Quando o filme é uma obra-prima,…

… uma verdadeira aula de cinema, o resultado é estado de graça do início ao fim. Assim é “Chico & Rita”, de Fernando Trueba, parte da programação do Anima Mundi.

Ambientado majoritariamente em Cuba e nos EUA da década de 50, a animação, com ilustrações de Javier Mariscal, conta a história de amor do pianista Chico com a cantora Rita.

Embalados a bolero, Chico e Rita se conhecem numa noite. Surge o interesse. Do interesse, a paquera. Da paquera, a aproximação. Da aproximação, a parceria. Da parceria, o romance. Do romance, o clímax. Do clímax, o impossível. Do impossível, o improvável. Do improvável, o sonho. Do sonho, a realidade. E assim é a história de  amor de “Chico & Rita”: um roteiro perfeito.

E já seria um grande filme só nisto. Mas não. As ilustrações de Mariscal, que revisitam e reconstituem Havana e Nova Iorque da década de 50, o transformam num filme genial; que nas mãos de Fernando Trueba, assertivo na definição de cada plano, faz de “Chico & Rita” uma obra-prima.

Helena Sroulevich

P.S. Em São Paulo, o filme está programado em algumas salas, entre 27 e 31/7, ou seja, ESTA SEMANA! CORRAM!

Aos demais, resta a mandinga cinéfila para encontrá-lo, ao menos, na locadora mais próxima. 

Anúncios

4 Comentários

Arquivado em Filmaço!!!, Helena Sroulevich

4 Respostas para “Quando o filme é uma obra-prima,…

  1. Ericka Gavinho

    Lelê, você tem toda razão: o filme é estupendo. Estou em estado de êxtase até agora. Talvez, por isso, não queira ter visto pela segunda vez. Quero eternizar as sensações maravilhosas que senti do início ao fim, enquanto assistia a esse clássico, porque, pra mim, obra-prima deve ser alçada à categoria de clássicos, ou seja, daqueles que não se pode morrer sem ver. “Chico e Rita” é assim: não se pode morrer sem assistir! Parabéns pelo post! E muitíssimo obrigada pelo convite. Mtos bjs…

  2. Paulo Pacheco

    MARAVILHOSO!!! SABES A PROGRAMAÇÃO PARA PORTO ALEGRE? TÔ DOIDO PRA VER!

  3. Ericka, amei o comentário. Nos visite mais vezes. 🙂

    Primo, filme imperdível. Não sei a programação em Porto Alegre. Aqui e em SP está no Anima Mundi. Sugestão: comece a fazer a mandinga para ao menos encontrá-lo na locadora mais próxima à Redenção. 😛 Ai, que saudade! Beijos na minha família amada!

  4. Pingback: Oscar 2012: apostas de um nefelibata | Doidos por Cinema

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s