Arquivo da tag: Eli

E os indicados são…

A simpática Tati, autora do espirituoso blog E os indicados são…, que este Doido lê sempre, comprou uma dica minha (que honra!) e postou lá no espaço dela: Melhor ressuscitação.

Comentei com ela acerca da cena que, na minha opinião, é a melhor cena de ressuscitação da história do Cinema: Bud Brigman (Ed Harris) trazendo Lindsey Brigman (Mary Elizabeth Mastrantonio) de volta à vida em “O segredo do abismo” (1989), do avatariano James Cameron.


Gostei da brincadeira, Tati. Acho que essas trocas deveriam rolar mais… E já que você provocou a fera… Quer saber mais uma? Então aí vai…

A mais romântica troca de mensagens em código morse da história do Cinema: Oskar e a vampirinha Eli que, mesmo separados por uma parede, ou por um caixão, conseguem trocar juras de amor e carinho em “Deixa ela entrar” (2008), produção dirigida pelo sueco Tomas Alfredson que revolucionou o tema. Fofo!

“S.O.S: Saudades da minha sanguessuga favorita”

O filme levou o Oscar do meu coração.

A gente ainda vai trocar muito, Tati. Obrigado pelo carinho 🙂

Beijos do amigo!

Carlos Eduardo Bacellar

Anúncios

3 Comentários

Arquivado em Carlos Eduardo Bacellar, Uncategorized

Fui mordido

“Deixa ela entrar” − filme que extrapolou as pretensões mais enlouquecidas de Bram Stoker e revolucionou o gênero −, do diretor sueco Tomas Alfredson, apesar de ter sido lançado em 2008, merecia ser concorrente vitalício ao Oscar de melhor filme estrangeiro.

A história de amor entre a vampirinha Eli (Lina Leandersson) e o tímido e inocente menino Oskar (Kare Hedebrant) arrebata. Fui mordido e estou contaminado por toda eternidade. Minha colega de blog, Helena, escreveu uma crítica bem bacana sobre o filme: https://doidosporcinema.wordpress.com/2010/01/29/ela-entrou/

Vale a pena conferir (os dois: filme e crítica)!

Carlos Eduardo Bacellar

2 Comentários

Arquivado em Carlos Eduardo Bacellar, Filmaço!!!